• Maritávora Grande Reserva Branco 2015

    A revista Grandes Escolhas de Agosto de 2018 realizou Uma Grande Prova com brancos do Douro, o texto da autoria de João Paulo Martins refere que “o mais importante é conseguir-se uma boa maturação conservando a acidez. Para isso, a localização da vinha é fundamental”.

    Com grande orgulho o Maritávora Grande Reserva Branco 2015, da nossa querida vinha velha com mais de 100 anos, ficou em primeiro lugar, a par com o Guro, o Redoma, o Mirabilis e o Maria Isabel Vinhas da Princesa.

    É apresentado como “Vinha velha com mais de 100 anos, no Douro Superior. Fermentação e estágio de 6 meses em barrica. Citrino carregado na cor, aroma complexo, ainda fechado e a precisar de tempo. Nota-se a madeira, a fruta madura, o lado misterioso da pedra raspada. Excelente acidez, volumoso, estrutura bem desenhada. Sério, vigoroso e promissor.(12,5%)”

     

     

  • Maritávora pela China

    Entre os dias 26 de Fevereiro e 7 de Março, os vinhos Maritávora andaram em prova pela China. Estivemos visitando clientes e apresentando os vinhos em Shenzhen, Jiangmen, Changsha, Changde, Xuzhou, Hong Kong e Macau.

    A recetividade foi muito boa. Em baixo, fotos ds alguns dos momentos mais marcantes.
     
    Maritávora pela Cinha

     

  • MillésimeBIO 2018

    Decorreu entre 29 e 31 de Janeiro, em Montpellier – França, a feira MillésimeBIO. Este certame é provavelmente o mais importante de todos os dedicados em exclusivo a vinhos biológicos. Estavam presentes mais de 800 produtores de todas as regiões do mundo, sendo a maioria franceses, país onde a produção de vinhos biológicos tem uma importância significativa. Portugal estava representado com 10 produtores, sendo a segunda vez que Maritávora esteve presente nesta feira.

    Ao contrário da grande maioria das feiras de vinhos, na MillésimeBIO não existem stands personalizados nem qualquer tipo de “show off”. As mesas são iguais para todos os produtores e as localizações são sorteadas. Nem sequer agrupam os produtores por países ou regiões. É um conceito interessante, bastante democrático, e que centra as atenções nos vinhos e não nos stands.

    É um evento reservado exclusivamente a profissionais e acorrem visitantes de toda a parte do mundo. Recebemos visitas de França, Alemanha, Suíça, Bélgica, Áustria, EUA, Japão, Suécia, Finlândia e outros.


     

EnglishPortugal